"Que te devolvam a alma homem do nosso tempo. Pede isso a Deus ou às coisas que acreditas: à terra, às águas, à noite desmedida. Uiva se quiseres, ao teu próprio ventre se é ele quem comanda a tua vida, não importa... Pede à mulher, àquela que foi noiva, à que se fez amiga. Abre a tua boca, ulula, pede à chuva. Ruge como se tivesses no peito uma enorme ferida, escancara a tua boca, regouga: A ALMA. A ALMA DE VOLTA." (Hilda Hilst)

29/12/2009

Sarau e lançamento dos meus livros em São Paulo - um dos momentos especiais vividos em 2009!!!

"A diferença entre construção e criação é que uma coisa construída só pode ser amada depois de pronta, ao passo que uma coisa criada é amada antes de existir."
(G.K.Chesterton)











Foi um imenso prazer receber em meu consultório (em meu "espaço sagrado") pessoas tão queridas e especiais, amigos e amigos de amigos, companheiros de trabalho, pacientes, alunos e ex-alunos, que compartilharam conosco os seus talentos, como o meu querido amigo e supervisor do Pós-doutoramento que fiz na FEUSP, Marcos Ferreira Santos (na foto à direita), que nos encantou com sua música e com suas sempre sábias e sensíveis palavras!
"Coração cresce de todo lado.
Coração vige feito riacho colominhando
por entre serras e varjas, matas e campinas.
Coração mistura amores. Tudo cabe."
(Guimarães Rosa)

"Que te devolvam a alma
Homem do nosso tempo.
Pede isso a Deus
Ou às coisas que acreditas
À terra, às águas, à noite
Desmedida,
Uiva se quiseres,
Ao teu próprio ventre
Se é ele quem comanda
A tua vida, não importa,
Pede à mulher
Àquela que foi noiva
À que se fez amiga,
Abre a tua boca, ulula
Pede à chuva
Ruge
Como se tivesses no peito
Uma enorme ferida
Escancara a tua boca
Regouga: A ALMA. A ALMA DE VOLTA."

(Hilda Hilst, in: Poemas aos Homens do Nosso Tempo)



"Que tudo que eu diga e tudo que eu pense
esteja em harmonia convosco,
Deus em mim, Deus além de mim,
construtor das árvores.
Em mim a verdade do salgueiro dos amantes
a doação do solo do amieiro
os frutos doces da amendoeira, a sabedoria do carvalho."
(trecho de uma prece de bênçãos dos índios da nação chinook)

Um comentário:

Arte Brasilis disse...

Os seus livros são excelentes, fonte de consulta permanente !
Uma referência no campo da arteterapia.
Recomendo sempre.
Forte abraço a vc, Patrícia, e também à querida Oneide !
Vera ~ SP ~ Arte Brasilis